Receba matérias por email!

O que fazer em Kyoto Japão – super guia de 3 dias

Home  »  ÁsiaDestinosJapão   »   O que fazer em Kyoto Japão – super guia de 3 dias

Continuando o meu roteiro de viagem pelo Japão, depois de 5 dias em Tóquio chegou a hora de dizer adeus e partir para uma próxima cidade. O destino foi Kyoto. Mas, o que fazer em Kyoto Japão?

Kyoto é a cidade dos templos mais espetaculares do Japão, das gueixas, da tradição.

japonesa tradicional kyoto viagem japao
Tradicional mas com modernidade. Olha elas tirando foto da sakura!

Aqui o tempo não passa voando como no agito de Tóquio. Depois de um primeiro contato com o Japão secular em um bate-volta até a pequena Nikko, chegou o momento de mergulhar fundo no Japão Antigo. E que mergulho!!!

Sobre a história de Kyoto 

Kyoto, localizada na região centro-sul do país, foi capital do Japão Imperial até 1868, quando foi trocada por Tóquio.

Durante a Segunda Guerra Mundial a cidade sofreu bombardeios, mas foi poupada dos principais ataques. Por esse motivo há tantos templos e construções preservadas em Kyoto.

Anualmente, são mais de 50 milhões de turistas que visitam Kyoto anualmente. Esse interesse é super justificado, como você verá daqui a pouco.

Como chegar em Kyoto 

torre estaçao de trem de kyoto japao
Essa torre fica em um hotel na estação de trem de Kyoto.

A partir de Tóquio, a melhor forma de ir para Kyoto é de trem.

Saindo de Tóquio é uma viagem de 2 a 3 horas de shinkansen (depende do trem que você pegar). Lembrando de usar o JR Pass para economizar

A estação de Kyoto é enorme e possui integração com linhas de ônibus.

No entanto, se você for de avião para Kyoto, o aeroporto mais próximo é em Osaka. De lá é preciso pegar um trem até a cidade, em uma viagem de cerca de 1 hora.

Transporte em Kyoto 

O meio de transporte que eu usei foi o ônibus.

Há linhas que circulam pelos principais templos. Use um bom e velho mapa (peguei o meu na recepção do hotel) ou o Google Maps para montar seu itinerário de o que fazer em Kyoto. Todos os mapas impressos que encontrei foram em japonês!!

O ônibus só pode ser pago em moedas, que são colocadas em uma máquina que fica ao lado do motorista (devidamente paramentado de quepe e luvas brancas). Se você não tiver moedas, não tem problema, pois há uma outra maquininha para trocar cédulas por moedas. Modernidade pura!

Você pode comprar um passe diário de ônibus por 500 ienes (valor de abril/2017). O valor da passagem unitária é 230 ienes.

Onde ficar em Kyoto

Como chegamos de trem na cidade, estávamos com mala e iríamos depois sair por esse meio de transporte para seguir viagem, optamos por ficar perto da estação de trem.

Ficamos no New Miyako Hotel, bem em frente da estação. O hotel era enorme, ligado a uma galeria com várias lojas e restaurantes. Super prático!

Consulte outras opções de hospedagem em Kyoto com a nossa parceria com o Booking, sem custo adicional.

O que fazer em Kyoto Japão

Fiquei 3 dias em Kyoto, sendo dois dedicados integralmente à cidade e um bate-volta até a cidade de Nara.

Kyoto possui tantos templos que é difícil escolher quais visitar em poucos dias. O programa principal da cidade é esse… mas não é só isso! Há muitos outros encantos.

Ah! Você verá em todo lugar lojas vendendo sorvete de chá verde. Verdinho, verdinho… Eu não experimentei, já que o ser humano aqui não gosta de café, chá, mate e afins… (sim, chata para comer!). Já contei por aqui com foi a experiência de como é comer no Japão.

Outro detalhe para organizar o seu passeio. Os templos em Kyoto são pagos. o valor da entrada varia, então ir a toooodos os principais templos pode sair meio salgado.

Importante esclarecer que os templos podem ser budistas ou xintoístas, as duas principais religiões japonesas. Basicamente, no templo budista encontramos a imagem de Buda e pagodes; no xintoísta vemos o torii.

Bem, vamos lá ver os pontos turísticos de Kyoto que eu visitei.

1. Kinkaku-ji, o Pavilhão Dourado 

pavilhao dourado viagem kyoto japao Kinkaku-ji
É para ficar babando, não é?

Iniciando a lista de o que fazer em Kyoto, certamente você já viu uma fotografia do Kinkaku-ji, já que é simplesmente deslumbrante!!!!

Um templo budistas, cujo dourado de sua cúpula brilhando ao sol e o seu reflexo no lago à sua frente fazem um cenário de pintura. Inesquecível!!!!!

O caminho no passeio permite que a gente dê uma volta completa no templo, vendo-o de todos os ângulos.

guia de viagem kyoto pavilhao dourado Kinkaku-ji
O templo visto por outro ângulo.

Prepare-se, é uma atração sempre cheia. Então é preciso de uma pouco de paciência para tirar aquela sua foto perfeita. Eu cheguei lá mais para o final do dia e não estava tão tumultuado.

2. Fushimi Inari

torii kyoto japao viagem Fushimi Inari
Muitas fotos aqui!

Você também já viu muitas imagens desse santuário xintoísta, em especial do seu túnel de centenas torii vermelhos subindo a montanha em meio à vegetação.

O Fushimi Inaria é um dos mais famosos cartões-postais do Japão e, obviamente, um dos lugares mais visitados em Kyoto.

O Diferentemente dos demais, esse templo é de graça. Ufa! E funciona 24 horas, mas imagino que não tenha muita graça visitar de noite. A luz do dia, o sol refletindo no templo e torii faz o vermelho ficar mais vermelho. Lindo demais!

O santuário é enorme e merece um post todinho dele em breve.

3. Floresta de Bambus de Arashiyama

floresta de bambu Arashiyama kyoto ponto turistico japao
A floresta é linda.

Pelas fotos que tinha visto lendo sobre o local imaginava que fosse beeeem maior e com uma vegetação mais densa. Mas não me decepcionou, já que é um bosque bem diferente por conta do bambuzal.

O visual único! A Floresta de Bambus transmite muita tranquilidade.

bambuzal viagem kyoto japao Arashiyama
O bambuzal é altíssimo.

Por lá você pode alugar um riquixa, aquela caroça puxada por uma pessoa, para dar um passeio. Não curto muito… fico com a impressão de exploração, sabe?

riquixa  kyoto dica de viagem
Há muitos por lá.

Para chega lá é preciso pegar um trem na estação de Kyoto até a estação Saga-Arashiyama (bem rapidinho). De lá um pequena caminhada, não se preocupe em se perder. Todo mundo está ali por causa da Floresta de Bambu e só ir seguindo o movimento.

Se quiser aquelas fotos deslumbrantes, sem ninguém por perto, vá cedo. Não foi o meu caso.

4. Ginkaku-ji, o Pavilhão Prateado 

pavilhao prateado kyoto ponto turistico japao
O Pavilhão Prateado que não é prateado.

Outro belo templo budista, o Ginkaku-ji tem um maravilhoso jardim de areia, bem diferente dos jardins japoneses tradicionais. O trajeto é demarcado… siga o fluxo! Essa parte e a pequena trilha que circunda o templo para mim foram os pontos altos da visita.

trilha pavilhao prateado atracao turistica kyoto
Vista do templo e de Kyoto a partir da trilha.

Confesso que o templo em si eu achei meio sem graça… talvez porque não tem pratas! rsrs O motivo? Uma guerra impediu que seu acabamento fosse feito e a prata só ficou no nome.

5. Caminho do Filósofo 

caminho do filosofo kyoto japao
Lulu filosofando? rsrs

Seguindo a lista de o que fazer em Kyoto, temos o Caminho do Filósofo. Com cerca de 2km, é interessante, passando por parte da cidade. Começa (ou termina?) no templo Nanzen-ji e termina no templo Ginkaku-ji (o Pavilhão Prateado).

Com sakura terminando encontramos em alguns trechos um tapete de pétalas no chão, já que o caminho é em boa parte margeando um canal e repleto de árvores, em especial cerejeiras.

kyoto canal caminho do filosofo japao
Parte do canal pelo qual o caminho passa.
sakura kyoto japao flor cerejeira
A sakura estava se despedindo de Kyoto.

A história desse Caminho do Filósofo é que era usado pelo filósofo, famoso na cidade, Nishida Kitaro para meditar.

6. Ver as gueixas 

gueixa japao kyoto show gion
Que delicadeza!

Tarefa difícil, viu?

As gueixas moram no bairro de Gion e no final do dia saem de casa para eventos. Nesse horário, e se tiver sorte, conseguirá ver uma.

gueixa gion kyoto viagem japao o que fazer
A gueixa dançando.

A Fabia do blog Estrangeira tem um post maravilhoso sobre a experiência de encontrar gueixas em Kyoto.

Caso você não tenha essa sorte, há alguns espetáculos na cidade com apresentação da cultura japonesa e show de gueixas. Eu assisti a um, que era um apanhado de vários elementos da tradição japonesa: cerimônia do chá, teatro de bonecos, teatro (mesmo em japonês deu para entender a história, era uma comédia de uma história tradicional) e dança de uma gueixa.

Veja aqui um pouco do espetáculo. Ah! Aproveite e assine o nosso canal do Youtube!

Que delicadeza! Que encanto ver uma gueixa de pertinho!

7. Kyozumi-dera

templos kyoto japao Kyozumi-dera
São vários prédios o complexo. Santuários, pagoda….

O roteiro de viagem de o que fazer em Kyoto continua com o Kyozumi-dera. Melhor ir cedo, para não pegar muito cheio. Esse é o segundo templo mais antigo de Kyoto, chamado de “templo da água pura”. Beber água de sua fonte sagrada traz sorte e purificação.

O ônibus deixa na esquina da rua que dá no templo, uma ladeirinha cheia de lojas.

Lá em cima você possui duas opções: andar pelo santuário seguindo um roteiro pré-estabelecido ou andar sem lenço e documento. Advinha o que eu fiz? Claro que eu fiquei passeando a esmo! kkk

O hall principal do templo, todo de madeira, está em reforma (mais um que encontrei assim! Lembra o que eu contei sobre a minha viagem para Nikko?).

Kyozumi-dera templo madeira kyoto japao
O templo em reforma. É possível fazer uma pequena trilha naquela montanha para uma vista privilegiada de Kyoto.

A vista lá de cima é linda, assim como as demais construções do templo (pagodas, templos menores, santuários). Sem dúvidas, um passeio imperdível em uma viagem para Kyoto.

8. Andar pelo Centro de Kyoto

lojas gion kyoto japao
Um as ruas de Gion com suas lojas.

A região central de Kyoto, em especial Gion, é uma graça, cheia de lojinhas e ruelas. Vale uma boa caminhada e se perder por ali.

Outras atrações para seu roteiro de viagem em Kyoto

floresta de bambus o que fazer em koyo japao
O que mais em Kyoto além de se maravilhar?

Aqui uma listinha de atrações em Kyoto que são populares nos guias de viagem, mas não tive tempo de conhecer. Para incluir no seu roteiro de o que fazer em Kyoto:

  • Kennin-ji: o templo zen mais antigo de Kyoto, no bairro de Gion.
  • Nanzen-ji: templo perto das montanhas Higashiyama, ao sul de Kyoto. A sua maior atração é um aqueduto da Era Meiji.
  • Tenryu-ji: um templo perto da Floresta de Bambus, com destaque para seus jardins.
  • Arashiyama Monkey Park Iwatayama: o “parque dos macacos”, que ficam soltos. Não é um zoológico, mas um santuário de preservação.
  • Daikaju-ji: foi palácio imperial e é caracterizado por seus vários prédios vermelhos e passarelas que os interligam.
  • Palácio Imperial: o outro palácio existente é em Tóquio.

…………………….

Um mapinha das atrações de Kyoto visitadas

KML-LogoFullscreen-LogoGeoJSON-LogoGeoRSS-Logo
Kyoto

carregando mapa - por favor aguarde...

Kinkaku-ji: 35.039500, 135.728000
Fushimi Inari: 34.968900, 135.769000
Floresta de Bambus de Arashiyama: 35.014800, 135.678000
Ginkaku-ji: 35.026900, 135.798000
Gion: 35.001783, 135.775476
Kyozumi-dera: 35.342400, 139.618000
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Kinkaku-ji
鹿苑寺 京都府, Japão
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Fushimi Inari
伏見稲荷 京都府, Japão
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Floresta de Bambus de Arashiyama
Arashiyama Kyoto, Japão
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Ginkaku-ji
銀閣寺 京都府, Japão
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Gion
Gion Corner , 花見小路, Präfektur Kyōto, Japan
marker icon
icon-car.png Fullscreen-Logo KML-Logo
Kyozumi-dera
小泉橋 神奈川県, Japão

Espero que tenha gostado das minhas dicas de o que fazer em Kyoto. Deixe seus comentários.

Receba matérias por email!

Post Autor
Lulu Freitas
Carioca que ama viajar. Meu lema: "Vivo para viajar. Viajo para viver". Compartilho aqui minhas experiências de viagens pelo mundo, com dicas sobre tudo o que conheci e adorei.

comentários

10 comentários
  1. postado por
    Edson Amorina Junior
    abr 26, 2019 Reply

    MUITO LEGAL! Nós estamos planejando uma viagem para o Japão, incluindo Kyoto, e bem legal ler essa lista de atrações. Valeu.

    • postado por
      Lulu Freitas
      abr 26, 2019 Reply

      Oi Edson, que bom que gostou! bjs

  2. postado por
    Mariana Menezes
    abr 25, 2019 Reply

    Lu, adorei as suas dicas do que fazer em Kyoto no Japão! Ah, eu morro de vontade de conhecer esse país. Fico encantada com tanta foto linda! E esses templos incríveis e cheios de detalhes? Amo! Um sonho!

    • postado por
      Lulu Freitas
      abr 26, 2019 Reply

      Oi Mariana, sim, é um sonho de viagem! bjs

  3. postado por
    Fernanda Scafi
    abr 25, 2019 Reply

    Nunca liguei mto de ir pra Ásia, mas tem bastante coisa aí em Kyoto que me interessa, hein? Ótimo post!

    • postado por
      Lulu Freitas
      abr 25, 2019 Reply

      Olá Fernanda, obrigada! bjs

  4. postado por
    Gabriela Torrezani
    abr 24, 2019 Reply

    Kyoto é uma das cidades mais fenomenais do Japão, adorei voltar pra lá com o seu roteiro! Muita gente pensa que só tem o Fushimi Inari para ver lá, ledo engano! A cidade é cheia de surpresas, gueixas incluídas!

    • postado por
      Lulu Freitas
      abr 25, 2019 Reply

      Concordo Gabi!!! bjs

  5. postado por
    Marcela Marques
    abr 24, 2019 Reply

    Ahhh eu sou louca para conhecer o Japão, e Kyoto com certeza estaria no roteiro! Adorei as dicas e as fotos 🙂

    • postado por
      Lulu Freitas
      abr 25, 2019 Reply

      Obrigada Marcela! bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais fotos de minhas viagens

Siga o blog no Instagram, por lá rolam muitas outras fotografias dos lugares mais lindos que já visitei. São fotos de viagens, lugares, roteiros de viagens e dicas com passeios surpreendentes.

Junte-se ao Instagram