Receba matérias por email!

Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho

dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
Home  »  América do SulChileDestinos   »   Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho

[atualizado mai/19] Santiago é adorável. Simples assim. Então vamos dar algumas dicas de Santiago.

Uma cidade que pode ser conhecida em poucos dias, bem como ser base para vários passeios a locais próximos. As quatro horas de voo do Rio de Janeiro ou São Paulo não são viáveis para um bate-volta de final de semana, mas são perfeitas para um período de descanso curto.

Dicas de Santiago

1. O que fazer em Santiago?

Estive em fevereiro de 2015 e 2 dias pela cidade são suficientes para se conhecer as principais atrações de Santiago.

Com mais dias é possível conhecer outras atrações chilenas próximas de Santiago:

Valparaíso

Viña del Mar

Vale do Casablanca e suas vinícolas

Concon (capital gastronômica do Chile, dica do Jair do blog Viagens e Caminhos)

Cajón del Maipo (não fiz esse passeio mas a Débora do blog Foco no Mundo conta aí para a gente)

Embalse el Yeso (quem dá a dica é a Luciana do blog Casal a Bordo).

Region de Farellones (quem dá a dica é o pessoal do blog Itinerário de Viagem)

Vale Nevado

La Parva (quem conta é o Alessandro do blog Get Outside)

Portillo (super dica da Márcia do blog Mulher Casada Viaja)

Uma boa dica de Santiago é alugar carro para fazer esses passeios próximos, de bate-volta. Aproveite para cotar com a nossa parceira da RentCars.

2. Quantos dias em Santiago

No verão 4 dias dá para fazer o básico. No inverno o ideal seriam no mínimo 5 dias para o básico a fim de incluir um passeio pela montanha até Vale Nevado (no verão, apesar das agências tentarem empurrar esse programa, definitivamente não vale a pena, já que após uma viagem em uma estrada sinuosa lá de cima só terá uma visão de pedras e aridez).

3. A Cordilheira da janelinha do avião

Uma das dicas de Santiago mais importantes. Na ida vá do lado esquerdo do avião para que possa ter uma visão da impressionante Cordilheira dos Andes. Na volta venha do lado direito. Não se assuste com o aviso do piloto para atar cintos porque se está cruzando a Cordilheira. Não há tanta turbulência assim… (ou será que dei sorte?)

viagem para santiago chile cordilheira dos andes
As cordilheiras.
santiago chile dica de viagem cordilheira dos andes
Visão do avião da Cordilheira dos Andes. No verão há pouquíssima neve só visível visto de cima.

4. Clima em Santiago

As quatro estações do ano são bem definidas, com um verão quente e seco e um inverno intenso que faz a alegria daqueles que querem curtir neve nas estações de esqui próximas, como Vale Nevado. Em Santiago não neva há muitos, muitos anos.

Aliás, o clima é um detalhe importante. Aquela imagem que temos na memória da Cordilheira dos Andes com o topo nevado só se vê a partir de meados do outono até o início da primavera. No verão, esqueça! Por conta da localização geográfica de Santiago, cravada entre a Cordilheira e montanhas, e da falta de chuvas e ventos há uma retenção da poluição que causa uma constante névoa no horizonte. Com isso, infelizmente, a visão da Cordilheira é bastante prejudicada.

cordilheira dos andes vista cerro san cristobal santiago chile
Vista da Cordilheira a partir do Cerro San Cristobal.
cordlheira andes poluição
A visão da Cordilheira comprometida por conta da poluição.

Uma das dicas de Santiago é que os chilenos indicam que o início de setembro é a melhor época para se visitar a cidade, já que o frio não é tão intenso, mas ainda há neve e um belo visual da Cordilheira. Entretanto, se o seu foco for o enoturismo é melhor ir em fevereiro, com os vinhedos carregados de uvas, pois próximo da colheita, que costuma  ocorrer no início de março.

5. Transporte em Santiago, se locomovendo pela cidade

Um bom sistema de metrô de Santiago, que permite se locomover por toda a cidade de forma segura e limpa. O valor da tarifa varia de acordo com o horário, havendo a possibilidade de se comprar o bilhete unitário ou um cartão pré-pago.

metro santiago do chile
Esse é o símbolo do metrô de Santiago que sinaliza as estações.

Há também ônibus de fácil uso e uma linha do sistema hop on-hop off operado pela Turistik, uma das maiores empresas de turismo chilena, que circula pelos principais pontos turísticos.

Se quiser, compre seu ingresso com a nossa parceria com a Get Your Guide (sem custo adicional).

onibus turistik santiago chile
Ônibus da Turistik do sistema hop on – hop off

A bicicleta ainda não é popular, existindo pouquíssimas ciclovias. Os chilenos têm o hábito de andar de bicicleta na própria calçada com os pedestres! Recentemente começou a ser implantando um sistema de locação de bicicletas patrocinado pelo Itaú, nos mesmos moldes das “laranjinhas”cariocas.

Mas, para mim, caminhar é a melhor forma de se conhecer uma cidade!

Por falar em agências locais, caso queira contratar algum dos vários passeios a partir de Santiago há opção de tours organizados em ônibus (leia-se, grupos maiores), sendo as empresas mais conhecidas a Turistik, ou em vans (leia-se, grupos pequenos) por agências menores.

6. Conhecendo um pouquinho de Santiago

Os bairros principais a serem visitados são Bellavista, Lastarria, Providencia e Vitacura, onde estão localizadas as principais atrações.

Santiago é bastante arborizada com vários parques e praças, limpa e segura, ainda assim os cuidados básicos de qualquer cidade grande são recomendáveis para não se ter surpresas desagradáveis.

Há inúmeras opções de hotéis e restaurantes com um custo relativamente semelhante ao do Brasil. Escrevemos um texto redondinho falando onde se hospedar em Santiago.

Se estiver pesquisando hotel, veja aqui embaixo pelo Booking:


Booking.com

7. Compras em Santiago (e no Chile)

O comércio em geral não aceita o pagamento em reais ou dólares, apenas em alguns lugares turísticos irá consegui-lo, ainda assim com uma taxa de câmbio bastante desfavorável. Portanto, a melhor opção é fazer o câmbio em casas de câmbio ou proceder saque com o cartão internacional. Cuidado ao fazer o câmbio, pois há circulação de notas falsas para tentar enganar turistas…

Fizemos um post sobre compras em Santiago que pode ser bastante útil.

Aliás, para se ter uma noção do preço em reais atualmente deve-se excluir os três últimos dígitos do preço chileno e multiplicar por 4.

……………..

Salve no seu Pinterest para lembrar desse post:

dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho

Em outros posts irei contar um pouquinho mais sobre Santiago para você! Não deixe de conferir todas as nossas dicas no nosso post índice sobre o Chile. Espero que tenha curtido essas dicas de Santiago 🙂 Até mais!

Receba matérias por email!

dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
Post Autor
Lulu Freitas
Carioca que ama viajar. Meu lema: "Vivo para viajar. Viajo para viver". Compartilho aqui minhas experiências de viagens pelo mundo, com dicas sobre tudo o que conheci e adorei.

comentários

10 comentários
  1. dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
    postado por
    Luciana Rodrigues
    ago 14, 2018 Reply

    Um dos meus maiores sonhos é justamente ver a Cordilheira da janela do avião. Ano que vem acho que esse sonho se concretizará, finalmente!

    • dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
      postado por
      Lulu Freitas
      ago 14, 2018 Reply

      Que legal Luciana! Espero que aproveite bastante. bjs

  2. dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
    postado por
    Fabiana Garbelotto
    ago 14, 2018 Reply

    Adorei o texto! Ainda não conheço Santiago e com certeza vou pegar bastante informação por aqui. Ainda mais com tanta promoção de passagem pra lá…!

    • dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
      postado por
      Lulu Freitas
      ago 14, 2018 Reply

      Oi Fabiana, que bom que curtiu! bjs

  3. dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
    postado por
    Ruthia
    ago 13, 2018 Reply

    Só a visão antes de aterrar já nos faz sonhar. Os Andes devem ser maravilhosos, embora eu tema o mal da altitude, um dia que visite.
    O seu post ficou muito completo. Grata pela partilha

    • dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
      postado por
      Lulu Freitas
      ago 13, 2018 Reply

      Oi Ruthia. Em Santiago não há esse problema com altitude (algo que também não me agrada). bjs

  4. dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
    postado por
    Analuiza Carvalho
    ago 13, 2018 Reply

    Ótimo e informativo texto sobre SCL, Lulu! Cidade fácil de se estar, não?! Melhor dica de todas: a espetacular vista da janelinha do avião da impressionante Cordilheira dos Andes! Em minha primeira visita à cidade, era esta minha maior expectativa e as montanhas não me decepcionaram! 🙂

    • dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
      postado por
      Lulu Freitas
      ago 13, 2018 Reply

      Também não me decepcionaram Analuiza! bjs

  5. dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
    postado por
    LAIS ROANI
    ago 13, 2018 Reply

    Santiago é um destino tão completo né… tem neve, gastronomia boa, vinhos, cultura. Adoro e voltaria muitas vezes ainda (apesar de ter passado por um terremoto lá!).

    • dicas de santiago, Dicas de Santiago – muito mais que apenas vinho
      postado por
      Lulu Freitas
      ago 13, 2018 Reply

      Oi Lais! Terremoto? Caramba! bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais fotos de minhas viagens

Siga o blog no Instagram, por lá rolam muitas outras fotografias dos lugares mais lindos que já visitei. São fotos de viagens, lugares, roteiros de viagens e dicas com passeios surpreendentes.

Junte-se ao Instagram