Receba matérias por email!

Londres! London, baby!

Home  »  DestinosEuropaInglaterraLondres   »   Londres! London, baby!

Difícil escrever sobre um cidade pela qual se é apaixonada. Sim, adoro Londres! London, baby! Para mim a mais bacana das capitais europeias. Sem querer criar polêmica com os fanáticos por Paris, por favor… Alguém concorda comigo?

Vou apresentar uma visão geral de Londres e mais tarde escrever alguns posts específicos, ok?

Uma grande cidade, com muita coisa para ver e curtir. Encontramos história, museus incríveis (e de graça), parques adoráveis, bairros diversificados e muito mais.

London Eye Londres Inglaterra
A London Eye às margens do Tâmisa, um dos símbolos da cidade

O brasileiro não precisa de visto para entrar, porém, ainda que esteja vindo de outro país da Europa, deverá estar preparado para as perguntas da imigração (onde vai ficar, quanto tempo, com quem está viajando, qual a profissão), com documentos para apresentar se solicitado (ex.: passagem, reserva do hotel). Importante: o seguro do Tratado de Schengen não é obrigatório para entrar no Reino Unido, pois não é signatário do tratado como outras nações europeias.

O clima londrino é aquilo que todo mundo sabe. No inverno chuva, frio, fog, às vezes neve, dias curtos e noites longas. No verão, gloriosos longos dias de sol ameno e céu azul, perfeitos para piqueniques nos gramados espalhados pela cidade.

A gastronomia, que tanto se falava mal, mudou radicalmente. Londres é hoje um dos melhores polos gastronômicos do mundo, cheia de restaurantes estrelados e chefs celebridades. Reservar com antecedência é essencial para os melhores restaurantes. Uma atração por si só.

De qualquer forma, fish and chips continua no cardápio, o prático típico inglês, bem como a comida de rua em várias feiras e food trucks. Além de opções de refeições rápidas e saudáveis em vários restaurantes pela cidade.

O meio de transporte é um dos melhores do mundo, com o antiquíssimo e não menos eficiente metrô (tube como é chamado) que abrange toda a cidade, combinando com o famoso ônibus vermelho double-decker. O cartão de transporte que dá acesso aos dois (Oyster) é a chave para se locomover com agilidade e praticidade. Logo, andar de cab (aquele táxi preto) não é necessário.

logotimo metro tube londres
Sinalização típica de uma estação de metrô

Óbvio que há várias empresas de ônibus hop-on hop-off, mas exceto se você tiver pouquíssimo  tempo pela cidade, não é necessário usar desse recurso.

O sistema de transportes é integrado aos aeroportos de Heathrow, Gatwick, Stansted e Luton e às estações de trem King’s Cross e Saint Pacras, tornando muito fácil chegar e partir de Londres por metrô, ônibus ou até trem, conforme o caso.

Uma dica: existem alguns apps para o celular que ajudam a traçar as rotas e facilitam bastante a nossa vida. Não que o mapa das linhas do metrô seja muito complicado depois que se entende sua lógica… Eu usei o “Tube Map – London Underground” e foi muito bom! Outra opção é acessar o site oficial de transportes de Londres (Transport for London) que possui uma ferramenta de planejamento excelente.

Os londrinos são extremamente educados (pardon para tudo, do tipo você esbarra em alguém e essa pessoa te pede desculpas) e solícitos. É só quebrar o gelo que encontramos um povo bem humorado (humor inglês, meio agridoce, entenda-se) e com um charme peculiar.

torca da guarda londres rainha inglaterra
Não falta o que fazer em Londres, desde a tradicional troca da guarda do palácio e programas alternativos

Agora, é bom registrar que Londres é multicultural. Para mim a mais multicultural de todas as capitais da Europa. Então encontra-se gente do mundo inteiro pelas ruas. Turistas e moradores, tudo junto e misturado.

Esse lado cosmopolita faz com que Londres seja um destino muito escolhido para intercâmbio. A Lívia do O Mundo e Minhas Voltas conta como foi a sua experiência.

A parte “ruim” de Londres é a moeda, pois a libra (pound – todas as notas e moedas com a imagem da Rainha Elizabeth II) é muita valorizada, tornando a viagem para nós bem carinha. Mas, como eu sempre digo, “quem converte não se diverte”!

Por fim, como Londres tem atrações sem fim, e escrevemos sobre as principais atrações dividindo entre “pago” (parte 1 e parte 2) e “de graça“.

Entretanto, se já quiser ficar com um gostinho de água na boca, veja esse post cheio de fotos lindas no nosso parceiro Meu Ponto de Partida ou então nossa galeria de fotos.

Ah! Temos um post índice reunindo todas a dicas da Inglaterra, ok?

O que acham de Londres? Deixem suas impressões e opiniões nos comentários. See you soon!

Receba matérias por email!

Post Autor
Lulu Freitas
Carioca que ama viajar. Meu lema: "Vivo para viajar. Viajo para viver". Compartilho aqui minhas experiências de viagens pelo mundo, com dicas sobre tudo o que conheci e adorei.

comentários

10 comentários
  1. postado por
    Corinne Sciortino
    jun 14, 2016 Reply

    Lu, tá ótimo o Post ! Adorei ! Também sou time Londres hehe Gostei bem mais que Paris e voltaria em um piscar de olhos, é só a libra baixar hahaha

    Beijinhos,
    Cori
    http://www.meupontodepartida.com

    • postado por
      Lulu Freitas
      jun 14, 2016 Reply

      Obrigada!!!!

  2. postado por
    Alexandra Rios
    maio 30, 2016 Reply

    Museu de graça?? Gostei disso! Em Janeiro eu pretendo ir à Londres… Viso esses programas gratuitos

    • postado por
      Lulu Freitas
      maio 30, 2016 Reply

      Oi Alexandra. Sim, museus incríveis de graça. Aqui no blog tem um post com uma lista dos museus imperdíveis e também um post relacionando outras atrações de graça em Londres. Como lá tudo é caro para a gente por conta da libra, bom economizar no que for possível. Se precisar de alguma informação é só falar. bjs

  3. postado por
    Juliana (www.turistando.in)
    abr 20, 2016 Reply

    Lulù…..
    Copiei e colei no meu blog!
    hahahahahahaha
    beijinhos

  4. postado por
    Londres segundo a Lú Freitas e Corinne
    abr 20, 2016 Reply

    […] Londres! London, baby! […]

  5. postado por
    Andréa
    abr 25, 2015 Reply

    Amei Londres! Sinceramente, preferi Londres a Paris e tive uma guia excelente e muito simpática! Concordo com tudo o que você disse e quero voltar!

    • postado por
      lulufreitas
      abr 25, 2015 Reply

      Andrea, percebi que existe um certo Fla x Flu entre os viajantes sobre Londres e Paris. Adoro as duas, embora tenham muita coisa em comum cada uma teu seu charme próprio. Sou do time de Londres, mas Paris também mora no meu coração rsrs.
      Eu também quero voltar muitas vezes a Londres, tanto a conhecer…
      Que bom que gostou do post!
      bjs
      Luciana

  6. postado por
    Tina Wells
    abr 23, 2015 Reply

    AMO MUITO! Looking forward to your posts!

    • postado por
      lulufreitas
      abr 23, 2015 Reply

      Eu também!!! Apaixonada por essa cidade! Em breve mais post. Aguarde rsrs. bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais fotos de minhas viagens

Siga o blog no Instagram, por lá rolam muitas outras fotografias dos lugares mais lindos que já visitei. São fotos de viagens, lugares, roteiros de viagens e dicas com passeios surpreendentes.

Junte-se ao Instagram